Adicionar aos Favoritos :: Entrar em Contato  
   
 

CALVINISMO
De autoria do famoso estadista holandês Abraham Kuyper, este livro apresenta a coerência da visão calvinista da vida, firmada nas escrituras. Leia a resenha escrita pelo Rev. Itamar Alves de Araújo.

SOLA SCRIPTURA
Prefácio escrito para o livro do Rev. Paulo Anglada, ministro presbiteriano em Belém, PA. O livro traz o brado de SOLA SCRIPTURA com veemência e clareza como antídoto ao veneno contemporâneo do subjetivismo e existencialismo do homem sem Deus, que teima em se infiltrar na igreja cristã.

EU PREGAR?
Prefácio escrito para livro do Presb. Samuel Junqueira, da Igreja Presb. de Santo Amaro, em S. Paulo. Um livro destinado a pregadores leigos, com ensinamentos e sermões ilustrativos.

LEI E GRAÇA
Prefácio escrito para o livro do Rev. Dr. Mauro Meister, professor do Centro Presbiteriano de Pós-Graduação Andrew Jumper, da Universidade Mackenzie, um livro que explica como compreender esses grandes temas doutrinários, na Palavra de Deus.

A VIDA DEPOIS DA REENGENHARIA
Prefácio escrito para o livro "Empregue o Seu Talento" (S. Paulo: Cultura Editores Associados, 1999), de Gutemberg Macedo, presidente da Gutemberg Consultores, em S. Paulo. Um livro secular que examina as últimas tendências nas áreas de emprego e conexões empresariais de executivos.

AS IMPLICAÇÕES PRÁTICAS DO CALVINISMO
Prefácio para o livro de A. N. Martin, publicado pela Editora Os Puritanos.

O EVANGELHO DE HOJE: AUTÊNTICO OU SINTÉTICO?
Apresentação à edição brasileira do livro de Walter Chantry (S. Paulo: Ed. Fiel, 1980), tradução de Today's Gospel - Authentic or Synthetic, originalmente publicado Banner of Truth.

 

 
Jesus Cristo: Nosso Profeta, Sacerdote e Rei

No início do livro de Hebreus (1:1-4) lemos estas declarações sobre Cristo:

1. A mensagem que Cristo nos deu, é semelhante à dos profetas (v. 1), ou seja: Jesus Cristo é Profeta. Esta função já estava predita no Velho Testamento. Os profetas do Velho Testamento eram os porta-vozes de Deus, os seus mensageiros. Jesus é a revelação suprema do Pai, de sua vontade, de seus propósitos e de seus desejos.


2. Ele fez a purificação dos nossos pecados (v. 3), isto é: Jesus Cristo é Sacerdote. Também predita no Velho Testamento, esta função era representada por integrantes da tribo de Levi. Os Sacerdotes eram os mediadores entre o Deus santo e os homens pecadores. Realizavam o serviço de oferecer os sacrifícios e de interceder pelo povo. Cristo é o único sacerdote perfeito e exerceu a sua função oferecendo-se a si mesmo, na cruz (Hebr. 7:24-28), para nossa salvação.


3. Ele não somente é o autor de todas as coisas, mas também é apresentado como o herdeiro de tudo (v. 2), isto significa que Jesus Cristo é Rei. Em muitos trechos do Velho Testamento encontramos menção à majestade e ao reinado de Cristo. Rei dos Reis, que vence o inimigo e assegura a vitória para si e para o seu povo!


Estes ofícios, que bem descrevem a obra de Cristo, têm sido identificados na Palavra de Deus por teólogos de todas as eras: Jesus Cristo é nosso Profeta, Sacerdote e Rei.


Nos últimos anos uma pregação um tanto ou quanto estranha, tem achado guarida em nossas igrejas: ela diz que é possível alguém ter aceito a Jesus como salvador, mas não como senhor, e conclama as pessoas a darem este "segundo passo", aceitando a Cristo como senhor. Muitas reuniões de jovens terminam com este tipo de apelo, popularizado em um pequeno folheto entitulado: "As quatro Leis Espirituais".


Ocorre que a pessoa de Jesus Cristo é indivisível, bem assim como suas funcões. Ele entra em nossa vida como Salvador (Sacerdote) e Senhor (Rei).


Como Profeta, Ele é a palavra de salvação, direcionamento, admoestação, correção e julgamento, ou seja, interliga os aspectos de ser Senhor e Salvador.


Quando pecamos, estamos indo contra o seu posicionamento como senhor de nossas vidas. Quando estamos envolvidos em algo errado, estamos negando a regência que ele tem por direito. Ele nos castiga, como rei que é. Ele nos ama e nos quer arrependidos ao pé da cruz, para o recebimento do prometido perdão, pois é o nosso Salvador.

A Bíblia não dá conforto a ninguém com a duvidosa proposição de que você vai vivendo, tendo Jesus como salvador, e permanecendo no pecado, até que um belo dia você o chama para ser o seu senhor... A Bíblia desconhece esta situação e àqueles que vivem em pecado os manda examinarem a salvação que professam.

O verdadeiro crente possui uma vida caracterizada pela obediência (João 14:15 e 23; 1 João 1:6). Não anda necessitado de uma "segunda bênção" ou de uma "segunda conversão". Ele precisa ter o Espírito Santo no domínio de suas ações, ser cheio do Espírito, subjugar a sua natureza pecaminosa, mas ele foi resgatado por Jesus Cristo, o glorioso Messias - Senhor e Salvador: Profeta, Sacerdote e Rei.

 
 


Examinando e Expondo a Palavra de Deus aos Nossos Dias:

Isaías 1:18-20 "Vinde, pois, e arrazoemos, diz o SENHOR; ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve; ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a lã. Se quiserdes e me ouvirdes, comereis o melhor desta terra. Mas, se recusardes e fordes rebeldes, sereis devorados à espada; porque a boca do SENHOR o disse."

Atos 17:2-3 "Paulo, segundo o seu costume, foi procurá-los e, por três sábados, arrazoou com eles acerca das Escrituras, expondo e demonstrando ter sido necessário que o Cristo padecesse e ressurgisse dentre os mortos; e este, dizia ele, é o Cristo, Jesus, que eu vos anuncio."

Permissão é livremente concedida a todos que quiserem fazer uso dos estudos, artigos, palestras e sermões colocados neste site. Pedimos, tão somente, que indiquem a fonte e não modifiquem o seu conteúdo. Apreciaríamos, igualmente, a gentileza de um e-mail indicando qual o texto que está utilizando e com que finalidade (estudo pessoal, na igreja, postagem em outro site, impressão, etc.).

Copyright©2005 Todos os Direitos Reservados
solanoportela@solanoportela.net

 

 


Conheša o Site da Igreja Presbiteriana do Brasil

O SANGUE
Resenha do livro de Benny Hinn, originalmente publicado na revista Fides Reformata.

BEM VINDO, ESPÍRITO SANTO
Resenha do livro de Benny Hinn, originalmente publicado na revista Fides Reformata.

FOLLOWING JESUS WITHOUT EMBARASING GOD
Resenha do livro de Tony Campolo, originalmente publicado na revista Fides Reformata.

ENCONTROS COM DEUS
Resenha do livro de Valéria Martins, originalmente publicado na revista Fides Reformata.

A SEDUÇÃO DA IMAGINAÇÃO TERMINAL - UMA ANÁLISE DAS PRÁTICAS DISCURSIVAS DO FUNDAMENTALISMO AMERICANO
Resenha do livro de Alexandre de Carvalho Castro

 

Agenda Serm§es Artigos Palestras Links Home